Pesquisa - SOBRE
APRESENTAÇÃO

Coordenadoria de Pesquisa e Iniciação Científica

Na era da informação, o conceito de instituição de ensino como instância de geração de conhecimento se efetiva na pesquisa, como instrumento ideal para o desenvolvimento do ensino e dos programas de extensão, visando à melhoria da qualidade de vida da comunidade a que estes se destinam. A pesquisa reverte-se em benefícios para a Instituição, pois promove o ensino, e para a comunidade em geral, se traduz socialmente na extensão.

As ações de pesquisa visam à formação científica em todos os níveis e modalidades de ensino, produção de conhecimento, produção tecnológica e empreendedorismo voltados para a inovação e a solução de problemas científicos e tecnológicos ligados ao desenvolvimento local e regional, entendido nas suas dimensões econômica, social, artística e cultural.

Para que a pesquisa possa configurar a política institucional, na forma explicitada nos projetos pedagógicos de cada curso, sua implementação deve ocorrer consoante as seguintes linhas básicas:

• Afirmação da identidade regional e valorização da cultura local e regional;

• Desenvolvimento de pesquisas básicas ou aplicadas, institucionais, voltadas para as áreas do ensino ofertado pela Instituição ou de interesse prioritário da comunidade local;

• Busca de solução para problemas comunitários e resgate da cidadania, especialmente dos coletivos menos favorecidos social e economicamente;

• Transferência do conhecimento a outras organizações educativas ou não, mediante processos de formação, pesquisa e interação com o entorno social;

• Desenvolvimento de produtos e resolução de problemas dos setores produtivos;

• Melhoria da própria ação institucional, mediante processos de pesquisa, de interação com o meio social, de gestão, de formação e avaliação, na perspectiva de ampliação com qualidade dos serviços que oferece à sociedade.

O UNICERP desenvolve atividades de pesquisa, promovendo ações que proporcionam contribuições teóricas e práticas às atividades de ensino e extensão. As atividades de pesquisa estão voltadas para a resolução de problemas e de demandas da comunidade na qual a Instituição está inserida; e alinhadas a um modelo de desenvolvimento que privilegia, além do crescimento econômico, a promoção da qualidade de vida.

São objetivos da política de pesquisa do UNICERP:

• Reafirmar a pesquisa como processo acadêmico definido e efetivado em função das exigências da realidade na formação do aluno, na qualificação do professor e no intercâmbio com a sociedade, o que implica relações multi, inter ou transdisciplinares e interprofissionais;

• Priorizar os projetos voltados a questões relacionadas ao contexto regional e às demandas da sociedade;

• Valorizar os projetos de pesquisa interinstitucionais sob a forma de consórcios, redes ou parcerias e as atividades voltadas para o intercâmbio nacional e internacional;

• Possibilitar novos meios e processos de produção, inovação e transferência de conhecimentos, apoiando a produção acadêmica;

• Estimular a disseminação de conhecimentos, organizando e publicando as produções intelectuais de professores e alunos, mediante trabalhos, compêndios, anais, monografias e livros;

• Promover congressos, simpósios, seminários ou encontros para estudos e debates de temas ou de áreas específicas, bem como a participação em iniciativas semelhantes.

O financiamento das atividades de pesquisa inclui recursos próprios da Instituição ou de terceiros, captados junto a organizações da região, públicas e privadas.

ÁREAS DE PESQUISA
  • Saúde, Desenvolvimento Humano e Qualidade de Vida
  • Ciências Administrativas, Sociais Aplicadas, Educação, Línguas, Artes, Cultura e Cidadania
  • Ciências Biológicas, Veterinárias e Ambientais
  • Ciências Exatas e Tecnológicas
GRUPOS DE PESQUISA

Os cursos do UNICERP possuem grupos multidisciplinares de alunos e professores voltados para a pesquisa científica. Os participantes são pesquisadores e estudantes organizados, desenvolvendo estudos em uma ou mais linhas de pesquisa de uma área do conhecimento.

NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS

Considerando que o conhecimento das normas que regem a produção do texto acadêmico, bem como o domínio da escrita acadêmica, tornam-se fundamentais para o sucesso do estudante em sua vida acadêmica, apresentamos,a seguir, o Manual de Normalização de Trabalhos Acadêmicos do UNICERP – Centro Universitário do Cerrado – Patrocínio. Este aborda parte do campo da Metodologia Científica e tem como propósito apresentar as principais normas que regem a produção acadêmica, além de algumas considerações relativas ao processo de apropriação da linguagem acadêmico-científica pelos alunos dos cursos superiores do UNICERP.

Regulamento de TCC

Formulários TCC

Normas para Projeto de Pesquisa e TCC

Modelo - Projeto de Pesquisa (em Word)

Modelo - TCC (em Word)

COORDENAÇÃO
  • PROFA. DRA. GISÉLIA GONÇALVES DE CASTRO

    Formação: Doutora em Promoção de Saúde pela Universidade de Franca UNIFRAN (SP). Pós Graduada em Saúde Pública pela Universidade de Ribeirão Preto (SP). Especialização em Clínica Fisioterápica (MG). Graduação em Fisioterapia (UNICERP). Formação no Conceito Neuroevolutivo Bobath Infantil pela ABRADIMENE. Membro do grupo de pesquisa do CNPq intitulado Apoio Social e Promoção da Saúde: Subsídios para a implementação de ações e avaliação de estratégias em Promoção de Saúde Infantil. Docente Titular no Centro Universitário do Cerrado Patrocínio UNICERP. Pesquisadora do Programa de Iniciação Científica PROIC do Centro Universitário do Cerrado Patrocínio, MG.

    Contato

    Telefone geral: (34) 3839.3737 – Ramal: 263

    Secretaria da coordenação: (34) 3839.3710

    E-mail: pesquisa@unicerp.edu.br

  • Ano em que ingressou na instituição
    1994
mais informações

O COEP (Comitê de Ética em Pesquisa do UNICERP) é um colegiado institucional e interdisciplinar criado com o objetivo de normatizar e regulamentar os critérios para realização, pelos professores e alunos do UNICERP, de pesquisas (individuais ou coletivas) envolvendo seres humanos e animais, visando resguardar a integridade e dignidade dos sujeitos da pesquisa e garantir que a pesquisa seja desenvolvida dentro dos padrões éticos.

Ressalta-se que o Comitê de Ética em Pesquisa está vinculado administrativamente à Reitoria, autônomo em decisões de sua alçada e de natureza multidisciplinar e multiprofissional e independente com "munus público", de caráter consultivo, deliberativo e educativo.

A submissão dos projetos de pesquisa da graduação e pós-graduação do UNICERP ao COEP se dará para todos os projetos que envolvem de forma direta ou indiretamente o ser humano, em seus aspectos físicos, subjetivos ou comportamentais (coleta de dados, intervenção terapêutica, uso de banco de dados, uso de prontuários, uso de dados de serviço, banco de material humanos ou biológico, entre outros).

Para os projetos de pesquisas que envolvem animais e plantas, a submissão é obrigatória, nos casos em que há a utilização de cobaias e/ou quando envolver a manipulação de organismos geneticamente modificáveis, além daqueles projetos, cuja pesquisa pode interferir diretamente no meio ambiente.


Orientações para submissão de Projetos de Pesquisa COEP

Checklist de entrega de documentos para o COEP-UNICERP

Projeto modelo


Formulários

Declarações dos Pesquisadores

Folha de Rosto

Protocolo de Pesquisa


Documentos

Solicitação de Autorização para Realização de Pesquisa

Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (menores de 10 anos)

Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (entre 10 e 17 anos)

Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (adultos)


Resoluções

Resolução 466 do CNS que trata de pesquisas em seres humanos e atualiza a resolução 196

O Comitê de Ética e Utilização Animal (CEUA) do Centro Universitário do Cerrado-Patrocínio (UNICERP), segundo a legislação nacional vigente, está regido pelas disposições contidas na Lei nº 9605/ 98; Lei nº 11.794/08; Diretriz Brasileira para o Cuidado e a Utilização de Animais para fins Científicos e Didáticos – DBCA/2013, do Ministério da Ciência Tecnologia e Inovação; nas Resoluções do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CONSEPE) dessa IES; Portarias da Reitoria e na forma deste Regimento.

É um órgão de natureza deliberativa, consultiva e educativa, em matéria de análise dos aspectos éticos das pesquisas envolvendo animais de experimentação. Os membros são nomeados pelo Reitor do UNICERP.


Checklist de entrega de documentos para o CEUA-UNICERP

Regimento

Leis, Resoluções Normativas e Diretriz

Projeto modelo


Formulários

Uso de animais em ensino ou desenvolvimento de recursos didáticos

Uso de animais em ensino e/ou pesquisa


Documentos

Folha de Rosto

Protocolo de Encaminhamento

Solicitação de Autorização para Realização de Pesquisa

Termo de Consentimento do Responsável pelo(s) Animal(is)

Termo de Doação

Quer aumentar seu currículo e ter um ganho importante de conhecimento? Participe do Fórum Científico e Encontro de Iniciação Científica. Esta é uma oportunidade para o aluno ficar por dentro do que está em transformação no mundo profissional. São diversas palestras, painéis e debates desafiadores. Fique ligado e aproveite esta chance de ser um profissional diferenciado no mercado.

O Fórum Científico do Centro Universitário do Cerrado Patrocínio é um evento anual de cunho acadêmico-científico, proposto e organizado pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão. Tem a participação de alunos, professores e coordenadores de todos os cursos de graduação e pós-graduação da instituição e de toda comunidade científica da cidade e região.

O evento integra a comunidade acadêmico-científica e abre espaço para a reflexão, debates de questões relativas à formação profissional e apresentação ou exposição de trabalhos desenvolvidos sob a orientação de professores que realizam pesquisas na instituição.

Dentro do EIC também são apresentados à comunidade os trabalhos desenvolvidos pelo Programa de Iniciação Científica do UNICERP, o PROic. O objetivo é incentivar e promover a capacitação de estudantes de graduação para produzir conhecimento científico nos diversos campos do saber, levando-os a refletir, formular e testar hipóteses, resolver problemas e situações colocadas, tanto pela simples curiosidade humana de conhecer quanto pela necessidade social de transformar.


Documentos e Anais

Fórum Científico e Cultural - Edição 2015

Fórum Científico e Cultural - Edição 2016

Encontro de Iniciação Científica - Edição 2017

Encontro de Iniciação Científica - Edição 2018


EDITAL Nº 03/2020 - Chamada de Projetos de Pesquisa de Iniciação Científica


O UNICERP propõe uma política que prioriza o desenvolvimento da pesquisa, em todas as áreas do conhecimento, promove a inovação tecnológica, o intercâmbio e a divulgação científica, tecnológica, cultural e artística. Contribui, significativamente para a formação de recursos humanos por meio do aprimoramento do corpo docente e acadêmico-profissional do aluno. Esta política possibilita o planejamento e o gerenciamento da pesquisa científica e tecnológica e, consequentemente, da produção científica da IES, procurando alcançar um mesmo patamar de organização e de excelência já estabelecidos para o ensino e extensão, em seus vários níveis.

A iniciação científica é um dever da instituição e não uma atividade eventual ou esporádica, inclusive é isto que permite tratá-la separadamente da bolsa de iniciação científica, já que a iniciação científica é como um instrumento básico de formação, ao passo que a bolsa de iniciação científica é um incentivo individual que se operacionaliza como estratégia exemplar de financiamento seletivo dos alunos, vinculados a projetos desenvolvidos pelos pesquisadores no contexto da graduação. Pode-se considerar a bolsa de iniciação científica como um instrumento abrangente de fomento à formação de recursos humanos. Neste contexto, não se pode querer que todo aluno em atividade de iniciação científica tenha bolsa. É fundamental compreender que a iniciação científica é uma atividade bem mais ampla que sua pura e simples realização mediante o pagamento de uma bolsa. Neste sentido, o UNICERP propiciará aos alunos, independentemente de serem bolsistas, a possibilidade de se engajarem no programa de iniciação científica.

Os objetivos do programa de iniciação científica são:

Em relação aos orientadores:

  • Estimular professores-pesquisadores a engajarem estudantes de graduação no processo acadêmico, otimizando a capacidade de orientação à pesquisa da Instituição;
  • Estimular o aumento da produção científica;
  • Estimular o corpo docente a estabelecer proposta de pesquisa em suas disciplinas, visando o enriquecimento dos conteúdos;
  • Estimular o envolvimento de jovens pesquisadores na atividade de formação.

Em relação aos bolsistas:

  • Preparar os estudantes para programas de pós-graduação e aprimorar o processo formativo dos profissionais para o setor produtivo;
  • Despertar vocação científica e incentivar talentos potenciais entre estudantes de graduação, mediante sua participação em projetos de pesquisa;
  • Proporcionar ao aluno de IC, orientado por pesquisador qualificado, com título de doutor ou mestre em regime parcial ou integral na instituição, a aprendizagem de técnicas e métodos científicos, bem como estimular o desenvolvimento do pensar cientificamente e da criatividade decorrentes das condições criadas pelo confronto direto com os problemas de pesquisa.

Em relação à Instituição:

  • Fomentar a interdisciplinaridade nos cursos e outras atividades afins da Instituição.
  • Fortalecer a integração das atividades de ensino, pesquisa e extensão.
  • Promover o intercâmbio entre pesquisadores nacionais e estrangeiros;
  • Estimular a produtividade científica na Instituição;
  • Aumentar a produtividade com qualidade em pesquisa;
  • Consolidar a presença da Instituição nos eventos científicos principais de cada área do conhecimento;
  • Implementar Laboratórios de Pesquisa;
  • Consolidar e criar novos Grupos de Pesquisa da Instituição

Normas PROic


Modelos (clique para acessar o arquivo em PDF)